Jo Ramos - Entrevistada - 2020

Jo Ramos - Entrevistada - 2020

Um livro, para quem se preocupa com a situação dos menos favorecidos no Brasil

 

Por Shirley M. Cavalcante (SMC)

 

Jô Ramos é graduada em jornalismo, é escritora, com pós-graduação em Sociologia Urbana e Licenciatura em Letras. Criou os salões de livros de New York, Berlim, Rio, São Paulo, Canadá e Portugal. Fundou a Editora ZL Books, e mantém o Projeto Jovens Escritores que já foi realizado no Brasil, EUA e Portugal. Publicou cinco livros em português, italiano, francês e inglês. Todo ano, lança o Catálogo Escritores da Língua Portuguesa, onde reúne autores independentes com suas biografias e produção literária. Ainda edita, a Antologia Escritores da Língua Portuguesa, que este ano alcança o sétimo ano de publicação.

 

“É examinando esta interação entre processos econômicos, sociais, políticos e os processos físicos de ocupação do solo, que tento explicar a remodelação da área central de negócios da cidade do Rio de Janeiro.”

 

Boa leitura!

 

Escritora Jô Ramos, é um prazer contarmos com a sua participação na revista Divulga Escritor. Conte-nos, o que a motivou a escrever “Rio de Janeiro – Uma Questão de Políticas Públicas”?

Jô Ramos - Este livro foi minha tese na pós-graduação em Sociologia Urbana, na UERJ-Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Escolhi este tema por morar no Rio de Janeiro e tentar explicar, de certa forma, o caos urbano em que nos encontramos hoje.

 

Hoje em dia, como você vê as temáticas abordadas na obra?

Jô Ramos - O caos do passado explica o de hoje. O mal uso das áreas urbanas, a elite e sua ganância desenfreada por lucros e o descaso com o povo.

 

Apresente-nos o livro

Jô Ramos - A estrutura urbana “criada” no período Pereira Passos reflete o momento histórico e político da época, e resultou em clara hierarquização do espaço metropolitano. Tentei partir, sempre, do pressuposto de que a ordem espacial de uma cidade corresponde às práticas sociais resultantes de conflitos entre as classes sociais urbanas (La Questión Urbana, Manuel Castells). A luta pelo poder ecoa na luta pelo domínio do espaço, marcando a forma de ocupação do solo urbano. Por outro lado, a recíproca é verdadeira; nas cidades capitalistas a forma de organização do espaço condiciona e assegura a concentração das atividades produtivas e dos meios de consumo coletivo. É examinando esta interação entre processos econômicos, sociais, políticos e os processos físicos de ocupação do solo, que tento explicar a remodelação da área central de negócios da cidade do Rio de Janeiro.

 

Quais os principais desafios para escrita do livro?

Jô Ramos - Desvendar a origem da falta de moradia popular e o uso do solo para fins benéficos da burguesia da época.

 

Como você vê “Rio de Janeiro – Uma Questão de Políticas Públicas”?

Jô Ramos - Um livro que precisa ser lido para quem se preocupa com a situação dos menos favorecidos no país.

 

A quem indica leitura da obra?

Jô Ramos - Indico a todos.

 

Onde podemos comprar o seu livro?

Jô Ramos - Pelo e-mail: zlbooks11@gmail.com

 

Além de “Rio de Janeiro – Uma Questão de Políticas Públicas” tens outros livros publicados. Apresente-nos, os títulos dos livros publicados.

Jô Ramos - A Mulher e seus Direitos, Violência Contra Mulheres, Dê um Basta!, A Vida em Frases, A Silent War, Violenza Contro Le Donne.

 

Com esta pandemia, muitos de seus projetos foram alterados/adiados, comente sobre os seus próximos projetos literários?

Jô Ramos - Pois é, 2020 pode ser considerado um ano que não existiu para eventos literários presenciais. Este ano estaria realizando os salões de livros de Portugal, em Lisboa, dos EUA, em New York e o de São Paulo, na capital. Infelizmente foram todos remarcados para 2021. Espero que a ciência consiga criar uma vacina segura para prosseguirmos caminhando. É necessário que todos se mantenham distante e usem as máscaras, assim como lavar mãos e usar álcool gel. O momento é de preservar vidas. Infelizmente está difícil conter a população, mas, vamos indo. A educação e a saúde foram negligenciadas por muitos anos no país e isto, agora, explode em números elevados de mortes pelo covid-19. Uma lição para que se vote melhor nas próximas eleições.

 

 O Salão do Livro de Portugal já tem data marcada, será nos dias 29 e 30 de Abril e o Salão de New York em 26 e 27 de Maio. Estamos criando um Catálogo com todos os participantes. Mais informações pelo e-mail: zlbooks11@gmail.com

 

Pois bem, estamos chegando ao fim da entrevista. Muito bom conhecer melhor a escritora Jô Ramos. Agradecemos sua participação na Revista Divulga Escritor. Que mensagem você deixa para nossos leitores?

Jô Ramos - Desejo que todos se mantenham seguros, se puderem, em suas casas e se cuidem. Estamos dependendo um dos outros, agora mais do que nunca e continuem lendo, se informando e participando on line dos eventos literários.  Ler sempre será a melhor forma de organizar pensamentos e ideias.

 

 

 

Divulga Escritor, unindo você ao mundo através da Literatura

https://www.facebook.com/DivulgaEscritor

Contato: divulga@divulgaescritor.com

 

Conheça outros parceiros da rede de divulgação "Divulga Escritor"!

 

         

 

 

Serviços Divulga Escritor:

Divulgar Livros:

 

Editoras parceiras Divulga Escritor